Home  \  Notícias
INMETRO discute ações para coibir fraudes em bombas de gasolina
Revista Sind TRR Atualidades, edição 80 - dezembro 2016
24/01/2017
O combate às fraudes metrológicas na venda de combustíveis foi o tema do painel que aconteceu no dia 9 de dezembro, no Rio de Janeiro. O evento, organizado pela Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e Lubrificantes (Fecombustíveis) com apoio do Inmetro, reuniu representantes de diversas organizações para discutir formas de coibir praticas fraudulentas e garantir o comércio justo no segmento. Na abertura do evento, o presidente do Inmetro, Carlos Augusto de Azevedo, afirmou que toda regulamentação desenvolvida pelo instituto para tentar conter as fraudes será discutida com outras instituições reguladoras, como a Agência Nacional do Petróleo (ANP), e com os sindicatos. “Temos, evidentemente, três casos que precisam ser distintos: locais que tem os equipamentos funcionando corretamente, mas que, e algum momento, desregulam; as fraudes eventuais e o crime organizado”, explicou. O presidente citou dados da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), que apontam um prejuízo de R$100 a R$200 bilhões de reais pelo governo por conta de fraudes em diferentes setores da economia. “Formamos um grupo de trabalho com a participação da USP e pretendemos envolver sindicatos e a ANP para pensar em soluções. Não podemos deixar que o crime organizado domine o mercado e elimine os empresários. Ele tem que ser fortemente combatido, e combatido com inteligência”, afirmou. Paulo Miranda afirmou que os sindicatos apoiam a criação de leis mais severas para combater as fraudes, mas que se preocupa com a generalização, já que, segundo ele, em 97% dos casos há conformidade com as leis e regulamentos.
© 2014 Copyrigth LUPUS, Todos os direitos reservados.
Rua Lupo Panelli, 303 - Cerquilho - SP - Cep - 18520-000 - Tel.: (15) 3384-8484 - Fax.: (15) 3384-5200